A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Seu negócio não vai para frente? Este pode ser o motivo

O Brasil perdeu quase 10 milhões de empreendedores em 2020; saiba os principais erros que podem atrapalhar quem está começando um negócio e como evitá-los

Quase 10 milhões de empreendedores brasileiros fracassaram em 2020 — e você pode estar correndo o risco de fazer parte dessa conta no próximo ano.

O levantamento foi feito pela GEM (Global Entrepreneurship Monitor) em parceria com o Sebrae e o Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade, e apontou a pandemia de covid-19 como o principal fator que levou ao fechamento dessas empresas.

O que eu quero te mostrar hoje é que há muito mais coisas por trás disso. A verdade é que nenhuma empresa fecha somente por um único fator externo, como foi a crise do último ano, causada pela pandemia.

Veja bem: é humanamente impossível controlar quando virá a próxima crise, a próxima pandemia, o próximo evento catastrófico da natureza… E se você for o tipo de empreendedor que confia somente na sorte de que nada disso irá acontecer, eu sinto em te dizer, mas é bastante provável que nos próximos anos você entre para a estatística do fracasso.

Quer aprender a alavancar o seu negócio? Inscreva-se e acesse um conteúdo exclusivo

Sendo bastante realista e sincera, mesmo com tudo que eu vou te revelar agora, ainda existe uma possibilidade de que o seu negócio dê errado. Mas eu quero te ensinar como mitigar ao máximo todos esses riscos. 

Poucas pessoas falam sobre isso — e eu entendo, afinal, é muito mais fácil dizer que existe uma fórmula mágica para seu negócio dar certo ou simplesmente culpar o restante do mundo. Mas isso não funciona comigo. Nunca funcionou nos últimos 16 anos, para falar a verdade, e acredito que nunca irá funcionar.

Antes de virar CEO da Atom S/A e jurada no programa Shark Tank Brasil, eu passei por inúmeros desafios, passei por estágio não-remunerado, experiências não tão agradáveis... mas nada tirou o meu foco de onde eu queria chegar.

O que funciona de verdade é o planejamento e total comprometimento com a sua ideia. Não tem como escapar disso. Estar um passo à frente sempre e se preparar ao máximo para o que quer que possa acontecer.

Eu sei que parece bastante simples, mas está longe de ser. Afinal, se apenas o planejamento fosse suficiente, os quase 10 milhões de empreendedores que desistiram de seus negócios no último ano estariam a salvo.

Além de ter cada próximo passo planejado, o seu total comprometimento também é peça fundamental. Você acredita que está totalmente empenhado em mudar para sempre a história do seu negócio e não entrar para as estatísticas? 

Então preste muita atenção nos pontos que vou levantar a seguir. Sem eles, você pode estar à beira do fracasso.

Você consegue imaginar o seu negócio na capa da EXAME? Eu consigo! Entenda como.

Principais erros na hora de começar um negócio

Confira quais são os três principais erros que vários empreendedores cometem na hora de empreender e que podem ser os motivos que têm empatado o sucesso do seu negócio:

1. O primeiro deles é “Não ter um plano de negócios”. Isso de "vou fazendo e vendo onde vai dar" simplesmente não funciona.  Você precisa escrever o seu plano de negócios porque ele vai te ajudar com o objetivo de errar menos. 

Outra dica importante que pode fazer toda a diferença no andamento do seu empreendimento é a revisão do seu plano de negócios. Quanto mais vezes você revisar essa estrutura do seu empreendimento, melhor. Olhar duas, três ou quantas vezes forem necessárias pode te ajudar a pegar erros não vistos antes e também adequar o seu negócio conforme suas ideias forem evoluindo.

2. O segundo erro clássico é “Deixar de priorizar a organização fiscal, contábil e financeira”. Para você ter uma ideia, uma dica especial e importante que eu gosto de dar para novos empreendedores é: tenha um propósito, mas não abandone o caixa da sua empresa. 

Se você, empreendedor, não se preocupar com os números e o caixa da sua própria empresa, vai acabar precisando demitir pessoas por questões financeiras que poderiam ter sido evitadas com um olhar atento sobre os números.

3. Terceiro erro muito comum, principalmente de empreendedores iniciantes: “Confundir as finanças da empresa com as finanças pessoais”. Não é porque a sua empresa tem caixa que você pode pegar o dinheiro e gastar como bem entender. Essa atitude, além de transformar as contas da empresa em uma enorme bagunça — o que geralmente é muito difícil de corrigir — ainda pode ser um dos motivos que impedem o seu negócio de dar certo. 

Então, sempre coloque na ponta do lápis o que é o seu ganho, separando muito bem o que é patrimônio e lucro da empresa e o que é do empreendedor. 

Participe de uma imersão exclusiva e receba conteúdos sobre empreendedorismo

Três aprendizados na hora de empreender

Esses erros clássicos que quase sempre assombram novos empreendedores podem nos levar a três grandes aprendizados sobre começar um negócio. Afinal, é errando que se aprende, não é? Então eu vou te contar como transformar erros que podem impedir o sucesso do seu negócio em verdadeiros aprendizados que vão te ajudar a alavancar a sua empresa.

1. Reveja os fundamentos do negócio 

Ao errar, o empreendedor tem a oportunidade de rever aspectos fundamentais do seu negócio, e sem ter medo dessas mudanças. Para ficar mais claro, eu vou te dar um exemplo prático. Vamos supor que você decidiu abrir uma academia focada em jovens em um bairro composto por pessoas de mais idade. 

Nesse caso, você direcionou o negócio de uma forma errada, mas não pense que tudo está perdido. É nesse momento que você tem a chance de repensar o seu negócio e aproveitar a oportunidade que a situação, o momento e o local oferecem. Pivotar o negócio faz parte da vida de qualquer empreendedor. Quando você chegar nesse ponto é importante que você faça algumas perguntas como: 

  • Por que as pessoas não querem o meu produto?
  • Quais são as características dos produtos que essas pessoas consomem?

2. Aprender com os erros dos outros

Eu preciso te dizer que aprender com os erros de outros empreendedores é um dos maiores ensinamentos para quem está começando um negócio. Ao fracassar (e não se engane, isso muito provavelmente vai acontecer com você em algum momento do seu negócio), o empreendedor abre os olhos para os erros dos outros, o que pode render boas informações para as próximas tentativas no seu negócio. 

Dentro da sua empresa, você deve estudar o que deu errado na iniciativa proposta. Mas, fora dela, deve buscar entender o que deu errado em outros empreendimentos, assim você não precisa cometer o mesmo erro que outras pessoas já cometeram. Essa é uma das formas de fazer o seu negócio avançar muito mais rápido.

3. Ter clareza sobre aonde quer chegar

Ao começar um negócio, é essencial que você, empreendedor, tenha um planejamento que mostre aonde quer que o seu negócio chegue. Essa dica é importante porque se você quer ganhar escala, mas não se prepara para isso, vai acabar sobrecarregando o seu atendimento, gerando muitas reclamações. Nesse caso, um negócio que era muito bom e saudável pode dar errado simplesmente por falta de planejamento, que vai acabar gerando críticas dos próprios clientes.  

Portanto, a dica é: saiba aonde você quer chegar e dê um passo de cada vez. Ah! E cuidado para não dar um passo maior do que a própria perna e se colocar em uma furada que vai impedir o seu negócio de ir para frente. 

Tire o seu negócio do papel 

Muitas pessoas sonham em empreender, mas também sentem medo de começar algo do zero. Como te expliquei, eu sei que muitas dúvidas permeiam quem está pensando em entrar nesta jornada do negócio próprio. Por isso, eu me uni à EXAME Academy, para criar o "Do Zero ao Negócio".

O meu primeiro curso de empreendedorismo tem o objetivo de ajudar a alavancar ou começar negócios do zero por meio de uma imersão em todo o conhecimento e experiência adquiri atuando e me tornando uma referência no ramo nos últimos 16 anos.

Se você está em dúvidas se esse curso pode realmente te ajudar saiba que ele é indicado para quem:

  • Tem uma ótima ideia de negócio, mas não sabe por onde começar a colocá-la em prática;
  • Já tem um negócio, mas sente que ainda tem dúvidas sobre como transformá-lo em um empreendimento de sucesso;
  • Sonha em começar um negócio — seja ele qual for — mas sente medo;
  • Já teve um negócio que, por algum motivo, não foi para frente.

Se você se encaixa em algum desses casos, vem comigo, é só acessar aqui e conhecer mais sobre o curso Do Zero ao Negócio.

Te espero lá!

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também