Exame bate novo recorde e vira terceiro maior site de jornalismo do Brasil

Com foco em finanças, economia e ciência, o site da Exame recebeu 55 milhões de usuários únicos em abril, segundo o IVC

É nas horas mais duras que o conteúdo de qualidade se torna mais relevante. No pico da pandemia do coronavírus, em abril, o site da Exame quebrou novo recorde de audiência e se tornou o terceiro site de jornalismo do Brasil em número de usuários segundo dados do Instituto Verificador de Comunicação, o IVC. Foram 55 milhões de usuários únicos em abril. Doze meses antes, em abril de 2019, o site da Exame foi o oitavo mais acessado do país entre os veículos jornalísticos.

A taxa de crescimento da Exame em páginas visitadas e usuários únicos é a maior de um ano para o outro entre os grandes veículos nacionais. E o crescimento de usuários únicos de março para abril, de 45%, também é o maior dentro da base de comparação do IVC.

Os números recordes foram puxados pelas editorias finanças, economia e ciência, o que reforça o acerto da Exame em oferecer conteúdo analítico e inovador em temas essenciais para nossos leitores num momento tão desafiador quanto o atual.

“Num momento em que a sociedade está marcada pelo extremismo, a Exame ganhou terreno por focar no que sabe fazer melhor. Informação de economia, negócios e ciência está em nosso DNA e é essencial para a quarentena. Assim como será fundamental para a reconstrução”, diz Lucas Amorim, diretor de redação da Exame. “Os temas tratados com agilidade no site e nas redes sociais são destrinchados em nossa revista quinzenal, que também foi relançada com sucesso em meio à pandemia”.

Além de site, revista e app, a Exame vem lançando novidades semanalmente, como lives, podcasts, newsletters e novos canais para atacar os assuntos mais relevantes do momento. A série de lives Exame Talks é uma das novidades lançadas durante a quarentena que terão continuação depois dela.

Fundada em 1967 pela Editora Abril e comprada em dezembro de 2019 pela holding que controla o banco de investimento BTG Pactual, a Exame se reinventa para continuar líder na produção de conteúdo de ponta e absolutamente independente sobre economia, finanças e negócios no Brasil.

O site da Exame foi o primeiro veículo brasileiro a liberar a necessidade de assinatura para a leitura de reportagens sobre o coronavírus — depois, foi mais uma vez pioneiro em abrir todo o nosso conteúdo.

Além do jornalismo, a Exame passou em 2020 a produzir também outras modalidades de conteúdo — igualmente fundamentais para o crescimento pessoal e profissional da audiência. A Exame Research é uma plataforma de análise e de produção de conteúdo de investimento para pessoas físicas. A Exame Academy produz, faz curadoria e distribui cursos livres com os grandes nomes de áreas como finanças, carreira e comportamento.

Novas frentes virão nas próximas semanas. Exame, o melhor investimento do seu tempo.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.