Live icon 

ELEIÇÕES 2022:  

Lula e Bolsonaro vão disputar o segundo turno Veja agora.

Milho é destaque em movimentação no setor portuário no 1º semestre e cresce 121%

No geral, a carga agrícola teve alta de 2,1%, embora a movimentação da soja tenha caído 11,2%
movimentação nos primeiros seis meses, em comparação com o mesmo período do ano passado, cresceu 121% (Getty Images/Getty Images)
movimentação nos primeiros seis meses, em comparação com o mesmo período do ano passado, cresceu 121% (Getty Images/Getty Images)
E
Estadão ConteúdoPublicado em 15/08/2022 às 15:58.

Apesar da movimentação geral do setor portuário ter registrado um decréscimo no primeiro semestre do ano, a carga agrícola apresentou variação positiva. O destaque foi para o milho, cuja movimentação nos primeiros seis meses, em comparação com o mesmo período do ano passado, cresceu 121%, segundo dados da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

No geral, a carga agrícola teve alta de 2,1%, embora a movimentação da soja tenha caído 11,2%. A expectativa da Antaq é que a movimentação do milho continue em evidência no segundo semestre.

A celulose também foi destaque entre as altas, com crescimento de 27% na movimentação de janeiro a junho. O produto foi o responsável por impulsionar os números de carga geral, que teve alta de 18,6%.

Técnicos da Antaq ressaltaram que o mercado de celulose não sentiu os impactos da pandemia, o que favoreceu a movimentação no Brasil - segundo maior produtor do mundo e o primeiro em exportação.

Portos públicos

Nos portos públicos, apenas Santos (SP) e Itaqui (MA) registraram aumento na movimentação do primeiro semestre, ante o mesmo período do ano passado.

No porto de Santos, foram 62,6 milhões de toneladas, alta de 5 6%.

Em Itaqui, o crescimento foi de 1,6%, com 15,7 milhões de toneladas movimentadas.

Veja também: 

Por que os Estados Unidos podem ficar sem ketchup em breve

Produção de algodão no Brasil deve crescer até 19%, com bons índices de sustentabilidade