Brasil terá autossuficiência na produção de trigo, diz Bolsonaro

Expectativa é que em 10 anos o país seja grande exportador do produto
Trigo: Bolsonaro diz que Brasil terá autossuficiência no produto (David Gray/Reuters)
Trigo: Bolsonaro diz que Brasil terá autossuficiência no produto (David Gray/Reuters)
A
Agência BrasilPublicado em 30/06/2022 às 16:10.

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje, 30, que o Brasil está a caminho de obter autossuficiência na produção de trigo, a ponto de, em dez anos, se tornar um grande exportador do produto. A afirmação foi feita em Campo Grande (MS), onde participou da inauguração de 300 moradias.

Durante o discurso, o presidente voltou a falar sobre a preocupação de diversos países em garantir a segurança alimentar de sua população e que, nesse contexto, as políticas voltadas ao setor são tão importantes quanto as de defesa do território nacional.

Acompanhe de perto as notícias do agronegócio com a EXAME. Assine por menos de R$ 0,37/dia.

Trigo

“Podemos viver sem muita coisa, mas não sobrevivemos sem alimento”, disse. “Por isso, o ministério mais importante, além do da Defesa, é o da Agricultura”, acrescentou ao destacar a relevância deste setor para o desenvolvimento econômico do país.

Na sequência, o presidente disse que o Brasil está a caminho de deixar de ser dependente do trigo estrangeiro. “Quem diria que o Brasil está conseguindo a autossuficiência no trigo? Em 10 anos vamos exportar o equivalente ao que consumimos no Brasil porque cada vez mais a produtividade se faz presente”, acrescentou, sem entrar em detalhes sobre o cenário projetado.

Moradias

As declarações foram feitas durante a entrega de moradias do Residencial Jardim Canguru, na capital sul-mato-grossense. O empreendimento é resultado de uma parceria entre os governos federal e estadual, construído no âmbito do Programa Casa Verde e Amarela. O total investido foi R$ 29 milhões.

(Agência Brasil)

LEIA TAMBÉM:

Anúncio do Plano Safra 2022/23 fortalece pequenos e médios produtores, diz Abag

Programa EXAME Agro traz o mercado bilionário das bactérias e fungos do bem