• AALR3 R$ 20,15 -0.74
  • AAPL34 R$ 67,35 -0.01
  • ABCB4 R$ 16,54 -0.66
  • ABEV3 R$ 14,00 -0.92
  • AERI3 R$ 3,57 -1.11
  • AESB3 R$ 10,86 2.26
  • AGRO3 R$ 30,93 -0.58
  • ALPA4 R$ 21,43 2.88
  • ALSO3 R$ 19,02 0.05
  • ALUP11 R$ 27,10 -0.77
  • AMAR3 R$ 2,52 5.00
  • AMBP3 R$ 31,00 2.31
  • AMER3 R$ 21,89 -4.33
  • AMZO34 R$ 65,21 2.26
  • ANIM3 R$ 5,47 2.05
  • ARZZ3 R$ 79,20 -0.75
  • ASAI3 R$ 15,65 -1.57
  • AZUL4 R$ 20,07 -3.00
  • B3SA3 R$ 11,89 -1.08
  • BBAS3 R$ 37,43 -0.98
  • AALR3 R$ 20,15 -0.74
  • AAPL34 R$ 67,35 -0.01
  • ABCB4 R$ 16,54 -0.66
  • ABEV3 R$ 14,00 -0.92
  • AERI3 R$ 3,57 -1.11
  • AESB3 R$ 10,86 2.26
  • AGRO3 R$ 30,93 -0.58
  • ALPA4 R$ 21,43 2.88
  • ALSO3 R$ 19,02 0.05
  • ALUP11 R$ 27,10 -0.77
  • AMAR3 R$ 2,52 5.00
  • AMBP3 R$ 31,00 2.31
  • AMER3 R$ 21,89 -4.33
  • AMZO34 R$ 65,21 2.26
  • ANIM3 R$ 5,47 2.05
  • ARZZ3 R$ 79,20 -0.75
  • ASAI3 R$ 15,65 -1.57
  • AZUL4 R$ 20,07 -3.00
  • B3SA3 R$ 11,89 -1.08
  • BBAS3 R$ 37,43 -0.98
Abra sua conta no BTG

Terremoto deixa ao menos 7 mortos no Afeganistão

Dezenas de pessoas ficaram feridas no incidente

	Cabul, no Afeganistão: as forças de segurança afegãs já iniciaram os trabalhos de resgate e, neste momento, buscam possíveis sobreviventes e vítimas
 (Getty Images)
Cabul, no Afeganistão: as forças de segurança afegãs já iniciaram os trabalhos de resgate e, neste momento, buscam possíveis sobreviventes e vítimas (Getty Images)
Por Da RedaçãoPublicado em 24/04/2013 12:59 | Última atualização em 24/04/2013 12:59Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Cabul - Pelo menos sete pessoas morreram e dezenas ficaram feridas nesta quarta-feira no Afeganistão por causa de um terremoto de 5,6 graus na escala Richter, o qual sacudiu o leste do país e causou o desabamento de inúmeros prédios.

Segundo o Instituto Geológico dos EUA (USGS), o terremoto teve seu epicentro situado a poucos quilômetros de Mehtarlam, a capital da província afegã de Laghmán.

O porta-voz do governador da província oriental de Nangarhar, Ahmad Zía Abduzai, afirmou à Agência Efe que seis pessoas morreram e 75 ficaram feridas devido aos estragos causados pelo tremor, que, por sinal, foi sentido em quatro distritos da região.

De acordo com a fonte, as forças de segurança afegãs já iniciaram os trabalhos de resgate e, neste momento, buscam possíveis sobreviventes e vítimas entre os escombros das casas que foram destruídas.

O terremoto também causou muitos estragos na próxima província de Kunar, onde um homem morreu e mais sete pessoas ficaram feridas, explicou à Agência Efe o governador regional, Wasifulá Wasifi.

"De acordo com nosso relatório inicial, 500 casas foram destruídas em vários distritos da província e tememos que haja mais vítimas entre os escombros", acrescentou a fonte.

O arco oriental do Afeganistão está cercado pela cordilheira Hindukush, uma das mais elevadas do mundo. Devido à confluência de grandes placas tectônicas, inúmeros tremores de terra são registrados nesta região.

Os terremotos e outras catástrofes naturais costumam a causar graves danos em solo afegão devido ao precário estado das infraestruturas de um país com os índices de desenvolvimento mais baixos do mundo.