Conselhos que você provavelmente vai achar relevantes, e não vai seguir

Com a pandemia, a dúvida agora é sobre o “novo normal”. Pensando nisso, reunimos algumas dicas que podem fazer a diferença na sua carreira e na sua vida

A pandemia do novo coronavírus está mudando o mundo como o conhecíamos, e as pessoas estão se questionando como será o chamado “novo normal”. No pós-pandemia, como serão os escritórios? O home office veio para ficar? As casas serão preparadas para situações como uma quarentena?

Será mais comum as aulas à distância e a educação digital ao invés das aulas presenciais? O mundo está todo confuso, mas nós reunimos alguns conselhos de carreira que tem alguma chance de você achar relevantes e muitas chances de não seguir.

Veja também:

Nós somos bombardeados todos os dias com milhares de informações em sites, na televisão, nas redes sociais, e você deve estar pensando que não vai ler um texto enorme que supostamente vai te ensinar a melhorar alguns pontos da sua carreira.

Pode parecer estranho, mas a gente concorda totalmente com você, ninguém gosta de passar muito tempo lendo qualquer texto que seja. Além disso, a ideia é que você tenha como foco alavancar sua carreira, então você vai precisar de tempo para colocar as dicas em prática e buscar mais conhecimento.

Por isso, decidimos te apresentar essas dicas uma por vez, assim você entende melhor cada uma delas, tem tempo para por em prática e ver se funciona na sua vida e depois volta para ver as próximas. Agora chega de enrolação e vamos lá.

Aprenda continuamente

O primeiro conselho é que você mude o seu modo de pensar. Isso mesmo, não se assuste. Você vai precisar “mudar a chave” da sua mente para se encaixar no novo normal. O mundo onde a gente nascia, crescia, estudava, aprendia uma profissão, trabalhava sempre nessa mesma profissão (às vezes subia de cargo, ganhava uma promoção, mas nem sempre), se aposentava com o dinheiro da aposentadoria do INSS e morria acabou.

Pode ser algo duro de ler, mas as coisas mudaram. Você vai viver mais, vai se aposentar mais tarde, fará parte de uma sociedade mais rápida e dinâmica. É como as coisas funcionam hoje.

As profissões já são e vão ficar cada vez mais fluidas, interconectadas e estarão em constante transformação. Você tem que concordar que o vendedor de 20 anos atrás, se não adaptou os seu modelo de negócio, suas estratégias de venda, ficou para trás. Aliás, hoje uma loja que não está na internet (seja em sites ou redes sociais), praticamente não existe.

Analisando todo esse cenário, a capacidade de aprender continuamente novas habilidades e se requalificar constantemente vai ser o principal ponto para sua evolução profissional e pessoal. Aprender apenas a sua profissão não basta mais.

Confira:
Cursos que fazem diferença na sua vida

Você já leu todo conteúdo gratuito deste mês.

Assine e tenha o melhor conteúdo do seu dia, talvez o único que você precise.

Já é assinante? Entre aqui.

Deseja assinar e ter acesso ilimitado?

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.